Direitos dos trabalhadores portugueses nas Lajes

Açores, Assembleia da República, Base das Lajes, Lara Martinho, Terceira

Garantir os direitos dos trabalhadores portugueses na Base das Lajes e reforçar a transparência informação para que os Terceirenses confiem ainda mais no trabalho que está a ser desenvolvido foram os pontos que evidenciei na audição do MNE sobre a Base das Lajes.

Anúncios

SST Açores

Açores, Assembleia da República, Lara Martinho, Terceira

Lara Martinho destaca Centro Nacional de Operações SST nos Açores, um marco na estratégia nacional e europeia do espaço

 20 Fevereiro, 2019MinistroDefesaAcores

Lara Martinho 

A deputada do PS Lara Martinho felicitou hoje, na Assembleia da República, o ministro da Defesa Nacional por ter assinado dois protocolos fundamentais para a estratégia de cooperação deste Governo da República com a Região Autónoma dos Açores.

João Gomes Cravinho esteve ontem na ilha Terceira e assinou um protocolo relacionado com a cedência de infraestruturas no TERINOV para a instalação do Centro Nacional de Operações do programa Space Surveillance and Tracking (SST), “um espaço de excelência para um centro que será um marco na estratégia nacional e europeia do espaço, e que reforça a posição geoestratégica dos Açores”, segundo Lara Martinho.

O segundo protocolo foi assinado com a Câmara Municipal de Angra do Heroísmo para a reabilitação da Igreja de São João Baptista e criação de um centro interpretativo da fortaleza de São João Baptista.

Respondendo à deputada socialista, o ministro defendeu que a visita aos Açores foi “extremamente interessante”, já que o Governo está a avançar satisfatoriamente com a cedência de instalações para o Centro Nacional de Operações SST. João Gomes Cravinho frisou que os sensores óticos que vão ser instalados na Madeira e na ilha de São Miguel vão permitir “saber o que se passa no espaço e isto é muito interessante para os nossos parceiros europeus”.

Já a reabilitação da Igreja de São João Baptista “deve merecer todo o nosso apoio, temos de saber cuidar do nosso património histórico, é um contributo muito importante”, afirmou o ministro da Defesa Nacional.

Dossiers importantes na ilha Terceira

A parlamentar eleita pelo círculo dos Açores considerou que, ao longo desta legislatura, temos assistido “a uma mudança em dossiers muito importantes” para a ilha Terceira, como por exemplo a situação da Base das Lajes e a atenção que tem sido dada ao processo de descontaminação, havendo uma “convergência de interesses”, nomeadamente nos critérios encontrados por Portugal Continental, EUA e a Região Autónoma dos Açores, como bem referiu o Presidente do Governo Regional.

“Este é um dossier prioritário para os Açores, acima de tudo porque queremos garantir que é efetuada uma descontaminação efetiva e que é salvaguardada acima de tudo a saúde e segurança das pessoas que vivem na ilha Terceira”, explicou Lara Martinho, que se mostrou convicta de que também é uma prioridade para o atual Executivo, “como aliás o tem demonstrado”.

O ministro da Defesa Nacional sublinhou que, em relação à descontaminação da Base das Lajes, o Laboratório Nacional de Engenharia Civil (LNEC) já elaborou dois relatórios intercalares, o que permite ao Ministério dos Negócios Estrangeiros trabalhar com os norte-americanos para se apurar responsabilidades. O governante revelou que o relatório final deve estar concluído no mês de abril.

Governo português leva Açores à Conferência de Munique

A deputada do PS lembrou ainda que se realizou na semana passada a Conferência de Segurança de Munique, “a maior e mais importante em mais de cinquenta anos de história”. O ministro da Defesa Nacional foi um dos oradores, sendo que há muitos anos que não havia a presença do Governo português nesta conferência.

Entre várias questões importantes, João Gomes Cravinho salientou a nova centralidade do Atlântico, em que “os Açores têm um papel particularmente relevante”. “O Atlântico tem uma centralidade renovada e é muito importante para Portugal, tendo em conta a nossa posição geoestratégica”, sintetizou.

Lara Martinho focou-se depois no encontro da Assembleia Parlamentar da NATO que decorreu em Bruxelas, no início da semana, na qual participou, e divulgou que em destaque estiveram “os desafios e ameaças que a organização enfrenta, no ano em que comemora 70 anos da sua existência, e a forma como tem conseguido adaptar-se a esta nova realidade, um mundo muito diferente de há cinco anos”.

A socialista considerou que o mais interessante do encontro “foi a participação de uma forte delegação norte-americana, que contou com a presença da speaker Nancy Pelosi, que veio reafirmar o empenho dos EUA na relação atlântica e em que apresentou a resolução aprovada no passado dia 22 de janeiro de compromisso para com a NATO. O NATO Support Act rejeita qualquer esforço para retirada dos EUA da NATO e proíbe mesmo o uso de fundos para abandono por parte dos EUA da NATO”.

Açores

Açores, Assembleia da República, Base das Lajes, Lara Martinho, Terceira

A minha intervenção na audição do Ministro da Defesa Nacional em que destaquei a Conferência de Segurança em Munique, em que foi reforçada a importância da posição geoestratégica dos Açores na defesa do Atlântico, o encontro da Assembleia Parlamentar da NATO com destaque para a presença da Speaker Nancy Pelosi e o futuro da relação transatlântica e claro os recentes protocolos assinados nos Açores, destacando ainda o facto de ser fundamental uma efetiva descontaminação na ilha Terceira, salvaguardando-se acima de tudo a saúde e segurança de todos os que vivem na ilha Terceira.